Canvas: O olhar empreendedor sobre projetos e processos

Print pagePDF pageEmail page

O canvas é uma ferramenta usada para gerenciamento estratégico, permitindo a criação e o desenvolvimento de modelos de negócios. Simples de usar, assim como auxilia empreendedores com seus negócios, a ferramenta pode trazer mais eficácia e qualidade em projetos e processos da mesa maneira. Utilizar o canvas na gestão de processos ou de projetos ajuda na definição de aspectos essenciais.

No canvas são trabalhados os seguintes pontos:

Parceiros/fornecedores chaves – São os inputs que o projeto ou processo recebem para iniciar as atividades chaves

Atividades chaves – São aquelas tarefas primárias que estruturam projetos e processos. Saber mapeá-las é fundamental para poder definir quais recursos serão necessários para que o projeto ou processo possa se desenrolar com o mínimo de problema.

Recursos chaves – Máquinas, treinamentos ou mão-de-obra, ou ainda um pouco disso tudo ao mesmo tempo. Recursos são tudo o que é preciso para realizar as atividades de um projeto ou processo.

Custos – O que é preciso gastar para realizar o projeto? A licença de softwares, marketing, funcionários, treinamento são custos comuns dentro de um projeto ou processo e, saber identificá-los é muito importante.

Valor proposto – Para mim é o ponto principal. Saber qual o valor proposto do seu negócio, o que faz um cliente optar por seu serviço ou produto é fundamental para o seu negócio. Em um projeto ou em um processo não pode ser diferente. Entender realmente o que você entrega ao seu cliente pode definir pontos precisos no ajuste de custos ou para identificar oportunidades de melhoria.

Relacionamento com o cliente – No caso de projetos e processos isso pode significar muitas vezes saber atender o seu cliente interno, entender quais as dificuldades que ele sente ao receber algo do seu processo ou projeto. Ter uma prontidão bacana para atendê-lo, complementar dados ou atualizá-los, são coisas que podem ajudar no futuro durante uma negociação de prazos, por exemplo.

Canais – Como o seu projeto ou processo entrega o que precisa para os clientes internos ou externos? Arquivos são passados por e-mail ou disponibilizados em uma rede? Você faz vídeo conferências? Usa a internet?

Cliente – Quem são seus clientes? Quem faz uso do que você produz? São áreas internas da empresa ou clientes externos? Entender isso é muito importante para que se tome decisões mais efetivas.

Ganhos – Todo projeto ou processo dá algum tipo de ganho à organização. Algumas vezes esses ganhos serão intangíveis, como capacitação de pessoas ou de método, porém em outras pode gerar ganhos tangíveis através de novos serviços ou produtos.

Entender esses pontos em um projeto ou processo é algo fundamental para os resultados de uma empresa. Entendendo esses pontos fica mais fácil conhecer fragilidades e oportunidades da organização e assim otimizar os projetos e processos para que atinjam os resultados esperados e até mesmo os superem. Portanto, pratique o canvas e os resultados surgirão naturalmente.

Algo que o canvas pode trazer para o projeto ou processo é o estímulo ao senso de propriedade do profissional, um olhar empreendedor que o faz buscar oportunidades para tornar seu trabalho cada vez melhor, buscando a excelência sempre.

FONTE: @ideiademkt